quinta-feira, 20 de outubro de 2011

O Culpado Nem Sempre Tem A Mão Amarela

Este post, não é para pessoas sensíveis. Contêm coisinhas humanas, não tão agradáveis, mas que acontecem com todo mundo.


Estávamos no carro : Eu, marido, enteado Marcinho e enteada Caroline.
De repente , sinto um cheiro não muito agradável.
Pergunto :
-Hummmm, quem foi? Quem soltou este pum?
Marido:
- Quem estiver com a mão amarela será o culpado!!!
Marcinho, mostrando as mãos.
-Olha não fui eu!!!
Rsrsrsrs
Marido :
Marcinho, não pode olhar ou mostrar as mãos nunca.Nem que tenha sido você, tá? Nunca, nunca nunca mesmo.


Moral da história : a regra da educação e dos bons modos manda ensinar a não mentir, a falar a verdade, a assumir o que fez...

Mas, não é que toda regra tem sua exceção mesmo!!!!

4 comentários:

  1. Alessandra Yoradjian20 de outubro de 2011 09:14

    ah, achei tão bonitinho a ingenuidade da criança...elas são tão sinceras...e ela leva a sério o que o pai diz!

    ResponderExcluir
  2. Hahaha Leva mesmo Ale, por isso o exemplo é tao importante!!!

    ResponderExcluir
  3. Ló, que linda inocência das crianças, não é mesmo? E quão complexo é educar...que bom q vc já está "estagiando" com seus enteados.

    ResponderExcluir
  4. hahaha, adorei!
    Aqui Gustavo é tão "bobinho" ainda que acha engraçado e anuncia ao mundo que soltou um pum rs.

    ResponderExcluir

Pode comentar!!!Venha prá berlinda também!



Pode demorar um pouco para seu comentário aparecer, pois ativei a moderação! Mas saiba que sua presença é muito importante por aqui.Beijos